"Senza di te non saprei proprio dove andare."

Tradução:Sem você, não saberia realmente onde ir.

September 7, 2017

7 Comentários


https://www.duolingo.com/MsPer4

Reportei a seguinte sugestão: "Sem ti não saberia mesmo onde ir".

September 30, 2017

https://www.duolingo.com/ataskacomeres

Não é "sem VOCÊ" Isto é FORMAL. "Senza di te" ...."sem TI" é INFORMAL" Este TU e este VOCÊ matam-me...

September 7, 2017

https://www.duolingo.com/MsPer4

No Brasil o "você" é muito semelhante ao uso do "tu" em Portugal. Apesar de ser "formal", no Brasil, o "você" é usado na maioria dos casos e é uma forma de tratar todos por igual, com respeito e educação. É usado tanto para falar com pessoas estranhas como com familiares, amigos e conhecidos (num ambiente mais informal). De qualquer forma, tratar as pessoas por "você" garante que estamos a ser educados. Por outro lado, tratar alguém por "tu" pode ser considerado ofensivo e falta de educação (nem sempre, mas pode).

Já em Portugal parece que se passa o contrário, o uso do "você" pode ser considerado ofensivo em determinadas situações.

https://portuguese.stackexchange.com/questions/4432/o-uso-de-voc%C3%AA-em-portugal-%C3%A9-ofensivo

https://ciberduvidas.iscte-iul.pt/consultorio/perguntas/a-utilizacao-do-pronome-pessoal-voce/23556

Do meu ponto de vista acho que é só uma questão de nos acostumarmos e não levarmos a língua muito a sério! Afinal de contas, antes do português de Portugal existiu o galaico-português que lhe deu origem. O português de Portugal tem mais diferenças com o galaico-português que existiu do que com o português do Brasil. As línguas estão sempre em evolução. Então deixo a seguinte questão: qual o motivo de se irritarem tanto com pequenas diferenças?

https://pt.wikipedia.org/wiki/L%C3%ADngua_galego-portuguesa

Mas claro, tanto o "Sem você não saberia realmente onde ir" como o "Sem ti não saberia mesmo onde ir" deveriam ser considerados igualmente corretos, não só aqui, mas em todas as situações. Neste tipo de coisas é que o "Acordo Ortográfico" poderia ser útil.

September 30, 2017

https://www.duolingo.com/ataskacomeres

Colega, muito obrigada por tão extensa explicação, mas eu continuo a achar que o Duo deveria aceitar sempre duas opções e não me obrigar a escrever como se escreve no Brasil e dizerem-me constantemente que é erro. " Senza di te" será sempre "Sem ti" EM PORTUGAL. Temos o português do Brasil e o de Portugal e o Duo tem de melhorar esta situação para tornar estes cursos AINDA mais FABULOSOS. bons estudos.

October 1, 2017

https://www.duolingo.com/MsPer4

Colega, o que eu escrevi anteriormente refere-se à "norma culta" existente no Brasil, ou seja, a forma correta de se expressar. E é desta forma que, supostamente, os alunos e os formandos são ensinados nas escolas e/ou formações. O exemplo que apresentou "Dona (...) Tu queres que eu faça um café para Você?", mas que entretanto removeu do seu comentário, também não é considerado um português ("português-BR") correto no Brasil! (Estou a dizer isso porque foi essa informação que chegou ao meu email.) Apesar dessa pessoa ter-se expressado de forma errada, entende-se o que a ela queria dizer. Se não fazia parte das suas funções expressar-se corretamente, então não vejo problema nenhum. Mas se era um requisito importante, nesse caso, sim, já poderia ser considerado um problema!

De qualquer forma, é uma falácia usar essa frase como exemplo para "dar a entender" que isso é considerado correto no "português do Brasil"! Se existem brasileiros que não sabem se expressar devidamente, também há portugueses na mesma condição. É bem provável que nessa "disputa de quem erra mais" o Brasil "saísse vencedor"! Isso é o mais provável por diversos motivos, entre eles, problemas sociais que afetam uma parte da população como a impossibilidade de acesso à uma educação digna desse nome. Mas a verdade é que o problema existe dos dois lados. E mesmo aqueles que normalmente não falham, podem errar algumas vezes.

Do meu ponto de vista, se esse funcionário que referiu, falava sempre dessa forma, há duas explicações possíveis: ou não teve uma formação adequada no Brasil ou simplesmente confundia-se quando tentava se adaptar ao modo como as pessoas falam em Portugal. Estaria a tentar usar o "Tu", mas isso poderia lhe incomodar, porque tinha aprendido no Brasil (desde criança) que o seu uso poderia significar falta de educação, etc. Acredito que muitos brasileiros que vivem em Portugal têm (ou poderão ter) esse problema. Enfim, tentam agradar e se adaptar, mas como se diz em Portugal, "a emenda acaba por ficar pior do que o soneto". (Claro que também poderão ter problemas ao nível da formação que tiveram, mas já referi isso.)

Quanto ao Duolingo adotar tanto o Português-PT como o Português-BR , concordo. Acredito que lentamente isso vai acontecendo. Mas a razão de sempre apresentarem a versão brasileira e nem sempre a portuguesa será provavelmente devido aos colaboradores serem todos brasileiros. Se também existissem colaboradores portugueses as duas normas certamente estariam presentes desde o início. E isto aplica-se tanto neste curso como em outros. Como nenhum terá manifestado interesse ou disponibilidade para colaborar, há que esperar!

Por outro lado, se este e outros assuntos fossem abordados no Acordo Ortográfico, tudo estaria resolvido. Seria algo útil, mas preferiram tratar de outras coisas que muitas vezes não têm importância nenhuma.

October 4, 2017

https://www.duolingo.com/ataskacomeres

Colega, tem de reconhecer que as traduções do Duo nem sempre são as mais corretas. Quanto ao funcionário em questão é uma pessoa super educada e adorável, mas não queria ser ensinado. As funções dele era atendimento ao público. Tive dezenas de funcionários brasileiros e nunca me incomodou a maneira menos correta de falar, mas aqui nas aulas sou exigente, quando para avançar sou obrigada a escrever errado. bons estudos. Aceite uns lingots.

October 4, 2017

https://www.duolingo.com/MsPer4

Sei que o Duolingo nem sempre faz a tradução mais correta e nisso já tinha concordado. Contudo, do meu ponto de vista, só pode ser considerado errado se a solução apresentada estiver incorreta nas duas normas. Agradeço os lingotes, mas só vou aceitar 1. (Quanto ao funcionário, cada um deve fazer as suas escolhas.)

October 25, 2017
Aprenda Italiano em apenas 5 minutos por dia. De graça.