1. Fórum
  2. >
  3. Tópico: Esperanto
  4. >
  5. "Kiu konsilis al la juna viri…

"Kiu konsilis al la juna virino, ke ŝi iru okcidenten?"

Tradução:Quem aconselhou para a jovem mulher que ela vá para o oeste?

January 28, 2019

8 Comentários


https://www.duolingo.com/profile/ThaleZOliver

Para ajudar a equipe: Que ela fosse*, mudança do tempo verbal devido ao discurso indireto.


https://www.duolingo.com/profile/baptista231

quem aconselhou a jovem mulher para ela ir para o oeste; ou, para que ela fosse...


https://www.duolingo.com/profile/Mauricio_3333

Para reflexão da equipe organizadora. Em língua portuguesa, haveria na estrutura uma correlação tempo-modo verbal, porque, na estrutura principal, o verbo está no pretérito perfeito do indicativo - dado concreto e real na relação tempo-espaço -, mas, na estrutura subordinada, o verbo deveria estar no imperfeito do subjuntivo - dado hipotético. Assim, a correlação deveria ser: aconselhou / fosse. Não há, na estrutura do vernáculo, lógica em, depois do pretérito, utilizar o imperativo, porque esse tem acepção de tempo presente. Note-se que nos modos indicativo e subjuntivo há, efetivamente, uma divisão tripartite do tempo: passado, presente e futuro, mas, no modo imperativo, há tão-somente o afirmativo e o negativo. Notei, aqui, algumas construções, em Esperanto, em que a estrutura subordinada aparece na forma do imperativo (isso na língua internacional), mas, na versão para o português, na minha modesta observação, corretamente colocaram no imperfeito do subjuntivo. Sinceramente, tenho dúvida sobre a questão no que tange ao Esperanto, se, efetivamente, nos clássicos esperantistas, em tais circunstâncias, realmente se constrói a estrutura utilizando-se o imperativo /u/, porque já vi estruturas semelhantes em que fora utilizado o condicional /us/, o que, "prima facie", me parece, tecnicamente, muito mais apropriado.


https://www.duolingo.com/profile/eskikral

Minha resposta "Quem aconselhou a jovem mulher a ir para o oeste" foi considerada errada, tendo o programa "ensinado" que o certo é "Quem aconselhou a jovem mulher DE ir para o oeste", mas essa regência do verbo aconselhar me parece totalmente equivocada. Outra opção aceitável seria "Quem aconselhou à jovem mulher ir para o oeste", ou "Quem aconselhou à jovem mulher que ela fosse para o oeste", etc.


https://www.duolingo.com/profile/eskikral

Minha segunda tentativa "Quem aconselhou à jovem mulher que ela fosse para o oeste" foi "corrigida" pelo programa para "Quem aconselhou A jovem mulher que ela VÁ para o oeste", mas essa "correção" contém duas impropriedades. Minha opção me parece perfeitamente de acordo com a gramática do Português. É preciso não confundir esta com a gramática do Esperanto.


https://www.duolingo.com/profile/eskikral

Numa terceira tentativa de "acertar", escrevi "Quem aconselhou à jovem mulher que ela vá para o ocidente". O programa aceitou-a como correta, mas me recomendou "Preste atenção nos acentos", por entender que eu deveria ter escrito "aconselhou a jovem que ela vá..." Mas essa recomendação não procede, pois o verbo "aconselhar" não pede dois objetos diretos, mas, sim, um objeto indireto (à jovem) e um objeto direto (que ela vá).


https://www.duolingo.com/profile/eskikral

Melhor do que "Quem aconselhou para a jovem mulher que ela vá para o oeste" é "Quem aconselhou à jovem mulher que ela fosse para o oeste".


https://www.duolingo.com/profile/eugenio.ofs

Pacon kaj bonon!

Quem aconselhou à jovem, que ela fosse ao oeste? Deveria ter validade

Aprenda esperanto em apenas 5 minutos por dia. De graça.