1. Fórum
  2. >
  3. Tópico: Esperanto
  4. >
  5. "Panjo, ne rakontu al mi tiun…

"Panjo, ne rakontu al mi tiun teruran rakonton!"

Tradução:Mamãe não me fale dessa terrível história!

December 16, 2019

4 Comentários


https://www.duolingo.com/profile/Celioluzverde

Panjo, NE RAKONTU AL MI tiun teruran rakonton! =

= Mamãe, NÃO ME CONTE essa terrível história!

Mamãe, NÃO ME FALE dessa terrível história! =

= Panjo, NE PAROLU AL MI pri tiu terura rakonto!


https://www.duolingo.com/profile/Biagio.Barbosa

Minha dúvida é mais simples: "Mamãe, não me conte esse conto horrível" não poderia ser considerado correto?


https://www.duolingo.com/profile/Mauricio_3333

Muito embora o nosso prezado Celio tenha feito um excelente apontamento. No caso, há alguns problemas para os quais se chama a atenção. Em Esperanto, o vocativo está separado por vírgula. Muito embora no Esperanto se siga a orientação da pontuação eslava, parece-me muito correta a construção, porque, na grande parte das línguas, pelo meu modesto conhecimento, o vocativo sempre está separado por vírgula. Entretanto, no exemplo acima, isso não ocorre na versão apresentada em português. Ora, em português, o vocativo SEMPRE vem separado por vírgula. Então, teríamos: "MAMÃE, não me fale dessa terrível história!" Note-se que, pela forma verbal utilizada, o sujeito da frase, embora oculto, é 'você'. Um outro aspecto, na frase em Esperanto, é que, na mesma estrutura, temos a repetição de um radical - embora em função distinta - com sentido muito diverso entre ambos, o que é um contrassenso para as regras da língua internacional. Para simplificar, em RAKONTO (conto, narrativa) e RAKONTI (contar, narrar, descrever), há plena e perfeita relação semântica, como se pode ver em qualquer dicionário, porque a construção de qualquer verbete - pelo que me lembro das minhas aulas de lexicografia - deve respeitar os limites da acepção do morfema lexical, o lexema ou semantema, porquanto, simplificando, o mesmo radical não pode ter um valor semântico como substantivo (nome da coisa) e outro como verbo (ação corresponde àquela).


https://www.duolingo.com/profile/Celioluzverde

Concordo plenamentecom você, Maurício. Já providenciei a implantação das vírgulas separando os vocativos. Grato pelo alerta, bastante oportuno.

Aprenda esperanto em apenas 5 minutos por dia. De graça.