"Il y a un garçon."

Tradução:Há um menino.

April 10, 2015

27 Comentários


https://www.duolingo.com/KalebSaito

Praticamente a mesma função do "there is/there are" no inglês, tem a função de "existir"

August 18, 2015

https://www.duolingo.com/bruxao_halfblood

Nao entendi o uso do Il nessa frase. Alguem pode ne explicar?

April 10, 2015

https://www.duolingo.com/Australis

O "il" aqui é parte da expressão "il y a". Por ser uma expressão idiomática, a gente não traduz palavra por palavra de forma literal, apenas entende-se que "il y a" significa "há/existe/tem". Mais sobre essa expressão aqui: http://frances.forumdeidiomas.com.br/2011/05/o-verbo-y-avoir/?lang=pt-br

April 12, 2015

https://www.duolingo.com/cantamissa

Merci.

June 4, 2015

https://www.duolingo.com/Vinicirilo

certo, duvida: foi colocado IL por ser um menino? se fosse menina seria: elle y a une fille? ou em todos os casos se usa il?

January 11, 2019

https://www.duolingo.com/Estudando_12

IL Y A = HÁ

Independentemente do gênero.

Il y a un garçon.

Il y a une fille.

January 11, 2019

https://www.duolingo.com/Dezo_

Só complementando o que o Estudando_12 já explicou, o pronome il em francês é usado em muitas expressões impessoais, e nesses casos não significa "ele", mas tem apenas a função de dar um sujeito à frase, uma vez que as frases em francês, regra geral, não podem ter sujeito oculto ou inexistente. Ele atua de forma semelhante ao it do inglês. Ex.:

  • Il pleut (Chove)
  • Il fait chaud (Está calor)
  • Il est difficile de dire (É difícil dizer)

Outro sujeito neutro que é muito comum em francês é o ce.

January 11, 2019

https://www.duolingo.com/Estudando_12

Dezo, surgiu, aqui, a partir do seu exemplo, uma dúvida minha de regência.

O correto seria "difficile de dire" ou "difficile à dire".

Eu me lembro de já ter feito exercícios do Duolingo com a expressão "difficile à dire", se não me trai a minha memória.

January 11, 2019

https://www.duolingo.com/Dezo_

As duas formas estão corretas, mas com usos distintos. O uso de de ocorre quando o sujeito é impessoal/irreal; o uso de à ocorre com um sujeito real:

  • Il est difficile de dire (sujeito irreal)

  • Ce mot est difficile à dire -> Il est difficile à dire ("ce mot" é um sujeito real)

Outro exemplo:

  • Il est facile de lire (sujeito impessoal)

  • Ce livre est facile à lire -> Il est facile à lire ("ce livre" é um sujeito real)

January 11, 2019

https://www.duolingo.com/ThalitaCos37965

Existe um menino

October 4, 2017

https://www.duolingo.com/Karamelo2016

O "Il y a" então sempre vai significar "existir" Mas como determinar se deveremos usar esta expressão ou simplesmente o verbo? Há uma regra gramatical ou seria somente de acordo formalidade e contextualização, sem regras? Tentei abrir o link da explicação mas está fora do ar. Obrigada

January 1, 2016

https://www.duolingo.com/Australis

O verbo ao qual você se refere é "exister"? Se for isso, eu entendo que a diferença seja parecida com o português quando você usa "há" ou "existe". De forma geral, as expressões podem ser intercambiáveis, uma dando um tom mais formal que a outra: "il y a/il existe une bonne solution" = "há/existe uma boa solução". Porém: "il y a un chat sur le lit" = "há um gato em cima da cama" - nesse caso, usar "existe" ("il existe un chat..." / "existe um gato...") torna a frase estranha.

Acho que se você associar "il y a" a "há" e "il existe" a "existe" fica mais difícil de errar. :)

Obs: eu troquei o link do meu comentário anterior, agradeço pelo aviso.

January 1, 2016

https://www.duolingo.com/Karamelo2016

certo...vou continuar estudando...francês é 100% novo para mim.

você colocou "il existe" como sendo francês, é isso mesmo? EXISTE é uma palavra que está no francês também?

O verbo que eu me referi não foi "EXISTIR" escrito assim igual a português, foi o que conheci nas lições anteriores "A" em francês.

Ficando a frase: A un garçon (Tem um garoto) ao invés de "Il y a un garçon" já que ao pé da letra fica errada a tradução (pensando em tradução literal para português - que sei que não devemos, mas.....) o "IL" é ELE.

Enfim...vou estudar mais até me integrar com o idioma... :/

Muito obrigada! :-)

January 2, 2016

https://www.duolingo.com/Australis

Ah, sim. Essa construção com o verbo sozinho não é possível em francês. Você sempre precisa de um sujeito, diferentemente do português, e "il" exerce essa função. Nesse caso ele se torna um pronome impessoal, não significa "ele". É o mesmo que acontece com "il existe une bonne solution". A tradução aqui é "existe" e não "ele existe". Com o verbo "avoir" "il" não é impessoal: "il a un chat" = "ele tem um gato", porém com a expressão "y avoir" sim: "il y a un chat" = " um gato".

E sim, em francês existe o verbo "exister" que é conjugado da seguinte forma no presente do indicativo: "j'existe", "tu existes", "il/elle/on existe", "nous existons", "vous existez", "ils/elles existent".

E não se preocupe. É tirando suas dúvidas sempre que seu aprendizado acontece. Não se deixe intimidar pelas dificuldades. Bonne chance pour tes études !

January 2, 2016

https://www.duolingo.com/TinaLouren

Eu gostei muito da sua colaboração e fico me pelo seu parecer,vou continuar a estudar francês. Muito obrigada

September 8, 2017

https://www.duolingo.com/Estudando_12

Recorrentemente, eu volto ao site Forvo para ouvir "garçon" e outras palavras francesas com a mesma terminação:

https://pt.forvo.com/word/gar%C3%A7on/#fr

Apesar de já fazer alguns meses que eu estou estudando, eu ainda não consegui ter certeza sobre a forma correta de pronunciar-se vocábulos com terminação em "ON": garçon, passion, prénom, etc.

Ocasionalmente, acesso o Forvo e saio de lá convicto de que a pronúncia é GARÇÚM.

Semanas depois, retorno e passo a acreditar que a pronúncia é GARÇÔM.

Necessito descobrir qual é o movimento bucal exato para formar a dicção deste fonema.

O Professor Australis já deu uma boa dica sobre o fonema "veux" e outros. Esclareceu dúvidas acerca de prolações dúbias como "l'eau", que eu pensava ser "LÚ", mas ele ensinou que era "LÔ".

Preciso elucidar mais esta...

November 25, 2018

https://www.duolingo.com/Australis

As grafias "on" e "om" em francês normalmente são pronunciadas como um 'ô' (fechado (¹) como em "capô") nasal, muito próximo do nosso 'õ' em português ("bom", "garçom", "concha"). O que eu acho que diferencia o som em português brasileiro do som francês é que em pt-br a gente às vezes transforma essa vogal em ditongo nasal (²) (algo como 'bôum'), o que não ocorre em francês, e a gente também pronuncia levemente a consoante (um som sutil de 'mm' - 'bôumm' - ou 'nn' - 'côunncha'), o que também não acontece na língua francesa.

Talvez você ache o som parecido com um 'U' nasal (como em "atum") porque são sons bem próximos mesmo, esse último só é um pouquinho mais fechado, mas essa vogal nasal não existe oficialmente na língua francesa.

(¹) Normalmente, o símbolo fonético dado à vogal nasal de 'O' em francês é /ɔ̃/ (apesar de alguns lugares usarem /õ/), que seria um 'ó' (aberto como em "pó") nasalizado. O que acontece é que, na prática, o som se aproxima mais de 'ô' do que de 'ó'.

(²) Só pra facilitar pra quem não souber, um ditongo nasal é quando pronunciamos duas vogais nasais juntas ao invés de uma. A gente faz muito isso em português ("bem" = 'bẽĩm', "bom" = 'bõũm') mas isso não ocorre em francês ("bain" = 'bɛ̃n', "bon" = 'bõn').

E lembrando também que eu digo "português brasileiro" por falta de conhecimento da variante europeia/africana/asiática de minha parte e que também me baseio mais no sotaque paulistano. Há obviamente inúmeras diferenças fonéticas dentro desse "português brasileiro", mas é preciso simplificar as coisas.

November 25, 2018

https://www.duolingo.com/Estudando_12

Eu compreendo perfeitamente porque o meu sotaque também é paulistano.

Já observei, no You Tube, que os professores que não são nativos, não são tão rígidos assim com a pronúncia exata.

Para mim, pelo menos, é infactível pronunciar o R francês e outros fonemas meticulosamente.

Apenas coabitando junto a falantes deste idioma, quiçá, granjeie-se uma inflexão congênere.

Por ora, apazíguo-me com o tolerável.

Novamente, a minha gratulação é acentuada.

Obrigado, Professor Australis.

November 26, 2018

https://www.duolingo.com/Australis

Por nada. Só espero não ter te desanimado com a explicação detalhada demais, infelizmente esse é um hábito meu. A intenção é sempre dar o máximo de informações possíveis, mas às vezes o excesso de conteúdo teórico acaba mais assustando que ajudando.

De qualquer forma, essa questão da pronúncia está muito ligada ao quão acostumado está o seu ouvido à língua que você está aprendendo, então a tendência é que você tenha mais facilidade em reproduzir certos fonemas conforme você se expõe mais a esses sons. Mais do que qualquer comentário meu, o que pode realmente te ajudar é continuar ouvindo a língua sempre que possível e tentar reproduzir. Com a repetição, o seu cérebro eventualmente vai conectar uma coisa a outra e sua pronúncia vai melhorar.

November 26, 2018

https://www.duolingo.com/Estudando_12

O senhor e a Senhorita Ruama fazem o certo, Professor.

O importante é dar o subsídio. Eu acredito que o conteúdo completo nunca é excessivo.

Também tenho o hábito de estender-me e rematar os tópicos. Não sou afeito ao inconcluso.

É o aluno que deve ter o bom senso de trabalhar dentro das possibilidades e não prematurar os estágios.

Eis o veraz e primordial clichê: tudo tem o seu tempo...

Sempre deixo uma aba do navegador aberta, conectada ao sítio Forvo. E regresso, em dias diferentes, às mesmas palavras para recapitulá-las.

Aos poucos, eu procuro incorporar o idioma novo.

Nunca será tão natural como a minha língua materna, creio, mas pode ser paulatinamente propínqua ao reflexo.

November 26, 2018

https://www.duolingo.com/Keira.Knight

não entendi se é Il ou se é ll ou seja de é IL ou II

September 3, 2015

https://www.duolingo.com/Keira.Knight

obrigada danilo pela explicação e pelo link :)

September 3, 2015

https://www.duolingo.com/isaiaspire1

Essa expressão pode se usada com objetos?

April 7, 2017

https://www.duolingo.com/Australis

Sim.

April 8, 2017

https://www.duolingo.com/Pedro_F_Seibel

Não entendi o porquê da resposta ser "guri" e não "menino"

April 22, 2018

https://www.duolingo.com/Pedro_F_Seibel

Na resposta apareceu guri e eu errei

April 22, 2018
Aprenda Francês em apenas 5 minutos por dia. De graça.